Programa de Proteção do Conhecimento / PPC

O ano de 2021, como todos sabemos, foi um ano muito atípico devido à pandemia, exigindo que metade das ações do Programa de Proteção do Conhecimento tenham sido realizadas em formato de webinar. Pese embora em ambiente presencial se gere uma confiança e ligação fortes com a audiência, é certo que atualmente as organizações já se encontram muito mais familiarizadas do que no início de 2020 com o ambiente virtual, estando os colaboradores habituados ao formato de webinar, colocando muitas questões e interagindo com grande à vontade.

De apontar, ainda, que em formato virtual foi possível, nalgumas organizações com variadas dependências/escritórios em território nacional, reunir num momento só todos os organizadores espalhados pelo nosso país.

Em 2021 foi possível chegar a 347 entidades atingindo 1005 pessoas.

O setor privado neste ano de 2021 foi o mais visado, tendo as ações do Programa de Proteção do Conhecimento incidido em pequenas e médias empresas com componente fabril, essencialmente ligadas ao turismo industrial e às novas tecnologias.

 

Será de destacar o trabalho na proteção do conhecimento que se iniciou com institutições em áreas científicas e tecnológicas ligadas ao Mar, particularmente as ações do Programa de Proteção do Conhecimento em 2021 no  CIIMAR – Centro Interdiciplinar de Investigação Marinha e Ambiental, na Estrutura de Missão para a Extensão da Plataforma Continental, no Instituto Hidrográfico e em alguns Portos nacionais.